Festas da Cidade e Gualterianas
Festivais Gil Vicente
GUIdance
Westway LAB
Festas da Cidade e Gualterianas
Festivais Gil Vicente
GUIdance
Westway LAB
Festas da Cidade e Gualterianas
Festivais Gil Vicente
GUIdance
Westway LAB
menu logo
menu logo
menu logo
menu logo
menu logo
menu logo
main logo
site atual logo
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

Voltar

Image
Projetos Escolares

Mais Três

setembro 2019 / julho 2020
_
AAAF / AEC (1º e 2º ano)
CAF

Image

Mais Três são dois + um, a família cresce e é preciso mais espaço, são três novas formas de ver o mundo. Mais Três é o programa que integra o Mais Dois e o Ante Pé, para crianças a partir dos 3.

As artes performativas, como o teatro, a dança e a música, fazem parte da natureza humana e da necessidade de comunicarmos e relacionarmo-nos com o conhecimento. O apelo à descoberta, à imaginação, à criatividade, à escuta, à compreensão do que são as emoções, mas também o reconhecimento do que está à nossa volta, do que conhecemos e do que sabemos – são dois lados do mesmo desafio que é crescer (em qualquer idade).

A coordenação deste programa resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal de Guimarães (Vereação da Educação) e A Oficina (Educação e Mediação Cultural) e tem vindo a contribuir, num esforço de equidade em todo o Concelho, para o reconhecimento das artes performativas enquanto áreas de conhecimento, estruturantes para a formação do indivíduo e da relação com o coletivo em que se insere.

No programa Mais Três pretende-se que a criança seja envolvida nas atividades, ouça orientações, descubra possibilidades, aprecie, partilhe descobertas e se proponha a novos desafios. Desta forma estaremos a estimular as suas capacidades cognitivas e a desenvolver competências essenciais como a compreensão, a curiosidade e a invenção, a expressão e a sociabilidade.
O Mais Três sustenta-se no trabalho em sala de aula (com professores e materiais especificamente orientados para estas aulas), em interação com um conjunto de atividades realizadas em todas as turmas: receção de artistas em sala de aula; aulas abertas com a participação dos pais/encarregados de educação; e saídas para ver espetáculos nos espaços culturais programados pel’A Oficina, como o Centro Internacional das Artes José de Guimarães e o Centro Cultural Vila Flor.

Pergunta ao Tempo

2019 / 2020
_
alunos 4º ano (1º CEB)
14 turmas / 14 escolas

Image

Pergunta ao Tempo é um projeto de investigação e de criação artística patrimoniais. A partir dos núcleos temáticos da Casa da Memória, 14 turmas do 4º ano do 1º ciclo do ensino básico, dos 14 agrupamentos escolares do concelho de Guimarães, desenvolvem, ao longo do ano letivo, um trabalho de investigação sobre o património local, em estreita relação com as famílias, as comunidades e o território. No final do ano são expostos os resultados desse processo, numa exposição que invade o espaço museológico da Casa da Memória com peças artísticas criadas pelas crianças.

Coordenação João Lopes
Direção criativa Francisco Neves

Lições Iluminadas

2019 / 2020
_
alunos 3º ano (1º CEB)
14 turmas / 14 escolas

Image

Lições Iluminadas é um projeto educativo desenvolvido para o Centro Internacional das Artes José de Guimarães (CIAJG). Construído em processo criativo contínuo com os alunos do 3º ano do 1º ciclo do ensino básico, dos 14 agrupamentos escolares do concelho de Guimarães, este projeto procura unir e colocar em diálogo o lugar da Escola com o lugar do Museu, gerando neste intercâmbio novos espaços de pensamento e aprendizagem. As ações de trabalho desenvolvidas pelos alunos ao longo das várias sessões irão culminar numa exposição-relato que ocupará uma nova e instigante presença no CIAJG.

Coordenação Marta Silva
Direção criativa João Terras

Validade

outubro / dezembro 2019
_
alunos 3º CEB
3 turmas / 3 escolas

Image

Validade é um projeto artístico e pedagógico, dirigido aos alunos do 3º ciclo do ensino básico, que procura sensibilizá-los para o papel individual de cada um na sustentabilidade do mundo, estimulando a mudança de mentalidades e de comportamentos nas nossas práticas sociais. O projeto divide-se em três momentos – “Ecos Pessoais” (out-dez’18), “Ecos Materiais” (out-dez’19) e “Ecos Digitais” (out-dez’20) – dos quais resultam exercícios de partilha com a comunidade escolar e com a comunidade em geral.

Coordenação Inês de Carvalho e Ana Luísa Azevedo (Ecos Pessoais), Cláudia Escaleira e João Martins (Ecos Materiais), Ana Carvalho e Ricardo Lafuente (Ecos Digitais)
Coordenação do espetáculo final Inês de Carvalho
Coordenação de produção Teresa Camarinha
Registo vídeo Sara e Alexandra Allen
Coprodução Visões Úteis e A Oficina

Newsletter

Para atualizações permanentes da programação cultural d'A Oficina

Subscrever

Image
Image
Image
Image
Image